PERGUNTAS FREQUENTES

Perguntas Frequentes

Como é o passo a passo na ITÁLIA após minha chegada?

Após o seu desembarque, seja ele no aeroporto ou estação de trem, conforme nosso combinado, estaremos aguardando por você com uma placa de identificação com seu nome e sobrenome e em seguida vamos para uma de nossas acomodações. No segundo dia, será feito o "Codice Fiscale - CF" (CPF Italiano) e o "Vigile Urbano" será avisado pelo "Comune" que você pediu pra ser residente no nosso "Comune" e, sendo assim, ele passará nos próximos dias no endereço que você comunicou para verificar se você é realmente residente. Feito isso no dia seguinte você assina o pedido de cidadania e está concluída a primeira parte do seu processo na Itália, sendo que deste momento em diante acontece um trâmite interno entre Comune x Consulado que nos comunica o momento a qual seu processo foi concluído.

Quais documentos recebo no final do processo na ITÁLIA?

Após a conclusão do processo entregamos para você Certificado de Cidadania e Certidão de Nascimento Italiana transcrita.

Como emito o passaporte depois do processo concluído?

Para emissão do passaporte basta que você agende no Consulado Italiano que atende seu Estado de Residência e na data agendada compareça com os documentos exigidos que estão descritos no site do Consulado Italiano.

Qual prazo para emissão do passaporte depois que dou entrada no Consulado?

O prazo para emissão do passaporte junto aos Consulado é de 40 dias após a data agendada.

Meu marido/esposa tem direito à Cidadania?

SIM, caso você tenha 3 anos de casado seu cônjuge pode solicitar a naturalização dele(a). Com filhos este prazo cai pela metade.

Quanto tempo leva o processo de naturalização?

O processo de Naturalização leva em média de 1 à 2 anos.

Filhos menores precisam viajar para ITÁLIA?

Não. Eles são representados pelo genitor maior de idade.

Tenho um parente (tio/primo/irmão/avô, etc) que já fez o processo pelo BRASIL e já tem a cidadania, posso usar a mesma pasta?

Não. Os Consulados Italianos não permitem mais que novos requerentes tenham acesso a documentos arquivados nos Consulados. Você deve montar seu próprio processo.

Tenho um parente (tio/primo/irmão/avô, etc) que já fez o processo pela ITÁLIA e já tem a cidadania, posso usar a mesma pasta?

Dependendo do ano que este processo foi feito podemos SIM usar a mesma pasta, utilizando os documentos em comum entre vocês, entretanto os demais documentos você deverá providenciar. Muitas vezes é mais fácil e rápido montar um processo exclusivo para você.

Meus documentos tem alguns erros ou foram ''abrasileirados'', preciso retificar?

A Itália entende que se o conjunto de documentos não gerar dúvidas que se trata da mesma pessoa, não precisa retificar nada.

Exemplos que não precisam ser retificados.

  • Giuseppe, no BRASIL José
  • Giovanni, no BRASIL João
  • Francesco, no BRASIL Francisco
  • Andrea, no BRASIL André
  • Pietro, no BRASIL Pedro
  • Domenico, no BRASIL Domingos

Nomes e Sobrenomes com Duplicidade de letras ou a ausência delas também não precisam ser retificados.

  • Lapolla, no BRASIL Lapola.
  • Agnelli, no BRASIL Agneli ou Agnel.